Promoções até 31 de Dezembro
Envios grátis em compras superiores a 90€
Pague em 3x prestações com Klarna

Modelos mais rápidos da marca disponíveis em vários esquemas

Modelo que cada vez mais se vê na frente das principais maratonas do Mundo – o mais recente sucesso foi a vitória da queniana Rosemary Wanjiru na Maratona de Tóquio -, as sapatilhas Adizero Adios Pro 3 ganharam novas cores, renovando desta forma a oferta da Adidas no que à performance diz respeito. Para lá das topo de gama, a marca alemã decidiu renovar por completo a sua coleção de modelos mais rápidos, apresentando no mercado novas versões das Adizero Takumi Sen 9, Adizero Adios 7, Adizero Prime X Strung, Adizero SL e
Adizero Boston 11. É toda uma coleção pensada para quem quer correr rápido, seja em prova ou em treino.

No que a modelos de competição diz respeito, as Adizero Adios Pro 3 são o modelo estrela – à venda por 250€ -, contando com a revolucionária tecnologia ENERGYRODS 2.0, que otimiza a passada do calcanhar à biqueira com um retorno de energia elevado. Num segundo plano surgem as ‘ilegais’ Adizero Prime X Strung, umas sapatilhas com um perfil de meia-sola de 50mm e que são destaque também pelo revolucionário tecido STRUNG na zona superior. Tal como as Adizero Pro 3, as Prime X Strung apresentam ENERGYRODS de carbono e um amortecimento LIGHSTRIKE PRO. São também o modelo mais caro da coleção: 280€. Num segundo patamar na performance surgem as Adizero Takumi Sen 9, pensadas para corridas de 5 e 10 km, e à venda por 200€, e ainda  as Adizero Adios 7, umas sapatilhas de perfil mais baixo, com amortecimento superleve e o sistema Torsion que imprime energia à corrida. São também as mais baratas das quatro: 140 €.

Quanto à linha de treino, destacam-se essencialmente dois modelos, ambos com as tecnologias LIGHSTRIKE PRO e LIGHSTRIKE EVA na meia-sola: as Adizero SL, um modelo que vem democratizar a sapatilha de elite a um preço mais acessível (130€) e ainda as tradicionais Adizero Boston 11, que incorpora uma meia-sola com ENERGYRODS de fibra de vidro e tem um PVP recomendado de 160€.

Atributos que fazem Alberto Uncini Manganelli, diretor geral e vice-presidente sénior de Running e Credibility Sports da adidas, acreditar que 2023 será ainda mais bem sucedido. “2022 foi um ano sem precedentes para a linha ADIZERO e para os nossos atletas. Acreditamos que podemos ir ainda mais longe e desenvolver os melhores produtos para os nossos atletas. E ao colaborarmos com eles e com a nossa comunidade de runners continuamos a explorar as mais recentes inovações e tecnologias. É por isso que, agora que se aproxima a 1ª das grandes maratonas, estamos confiantes de que 2023 não será diferente do ano passado – ADIZERO voltará a ser a sapatilha do ano”.

As novas combinações de cores estarão disponíveis na app da adidas, na loja online adidas.pt/calcado-running e em lojas físicas a partir de de março.

Etiquetas

Partilha :

Últimos Artigos